sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Sonho

eu estava morando com umas pessoas. confuso. eram colegas. colegas de algo, talvez faculdade trabalho não sei.
não conhecia ninguém direito.
ou era minha casa.
não sei se expulso ou auto-exilado
agora na rua
comecei a vasculhar um buraco cheio de entulhos
a escavar com as mãos
e da terra descobri uma coleção de máscaras abomináveis
rostos deformados doentes cromossômicos
rostos que se olhados bem de perto
revelavam fractais musculares
cilios de mãos de dedos que se dividem em mãos e dedos
eu coloquei uma máscara

parte dois

navego sem corpo pelas ruas da cidade
sou olhar
os outdoors estão em chamas
esta ventando solar
o magnetismo do sol põe fogo nas ruas
e enxofre
sombras vagam como eu
sem corpo

Um comentário:

  1. nossa... eu estive lá nessa descrição! muito interessante, muito louco

    ResponderExcluir

Vanglorie-se: